quarta-feira, 29 de julho de 2015

O que esperar do dia



Todos os dias quando eu saio de casa para ir trabalhar, quase madrugada ainda, antes do sol nascer, e caminho pelas ruas vazias e frias, eu me pergunto por que estou fazendo isto, se vale a pena esse sacrifício todo e se não haveria jeito mais fácil de viver a vida e dar mais atenção às coisas importantes e pessoas que nos são queridas.

Nem tanto por acordar, levantar, me aprontar e sair enquanto todos ainda dormem em casa. Isso, o despertador, o banho e a necessidade se encarregam de me fazer mover.

Por outro lado, sair sem ver ou conversar com ninguém, dá uma sensação de abandono que entristece a gente. Porque mesmo confiando que seu caminho será iluminado e guardado em boas mãos, a verdade é que nunca temos a certeza que voltaremos naquele dia e que surpresas (nem sempre agradáveis) nos aguardam no decorrer dele...

O jeito é seguir adiante, acreditar que fazemos o melhor que está ao nosso alcance naquele momento, e que cada instante se segue em desdobramento, explicações encontraremos depois, ou talvez não.

A cama que chama quentinha para permanecer num demorado abraço, o sono que alimenta a preguiça e convida para desistir e deixar tudo para as próximas horas, o tempo que passa e consome a juventude e oportunidades não vividas que estarão perdidas na memória e no remorso... Nada disto convence a não prosseguir no que continuamos a fazer.

Então buscamos desculpas, razões para justificar a vida como ela é, e não como gostaríamos que fosse.

Seja o dia lá na frente que esperamos compensar todo o esforço, seja o exemplo que seguimos ou deixamos com a intenção de fazer um mundo melhor, seja alguma comodidade ou bem de que não abrimos mão, seja por princípios inconscientes que nos alicerçam naquilo que somos e determinam nossos meios, caminhos e escolhas.

Não existe uma fórmula certa e universal. Cada caso tem suas peculiaridades. O que serve para uns, não se aplica a outros. O que funcionou antes pode ser inútil ou ineficaz agora ou depois. Enfim...

E lá vamos nós para a aventura do HOJE.

Bom dia!







Um comentário:

Iara disse...

Eu acho que o esquema é fazer por quem ama.
E quando nao temos??
Nao temos filho, marido, noivo??
Por que fazer?

Ahhh o skype disse que ontem foi seu aniversario, meus parabens atrasado mesmo.

Related Posts Relacionados with Thumbnails