sábado, 2 de outubro de 2010

O Tudo e o Bem


" Oi, TUDO BEM ? "
Pergunta trivial de todo encontro casual e cotidiano...

A resposta padrão e por educação é:
" Oi, tudo bem ! ".

Não, não tá TUDO bem...

Essa hipocrisia do silêncio íntimo e de manter as aparências me deixa infeliz e doente.

O dia passa, os pensamentos vêm, o diálogo não acontece, nada se resolve. A noite chega, a solidão também, a tristeza se aloja, o ânimo não se refaz, o cansaço abate. E o dia recomeça, sem que a vida se renove.

Todo dia amanhece como um projeto de esperança, e segue seu curso, independe de sua vontade ou do seu desejo...

Nem certa mudança na sua rotina é capaz de variar muito o destino...

A responsabilidade e obrigações assumem peso na maioria das Ações, que deixam de lado o Prazer e a Alegria de viver.

Não deveria ser assim. Deveria haver mais compensações, o entusiasmo e a paixão deveriam estar mais presentes.

E o tempo não perdoa. É implacável e sem compaixão.

Quanto mais tempo temos, mais desperdiçamos.

A mente jovem não resiste ao corpo, que envelhece. Dói onde não costumava doer. A vista turva, as letrinhas se embaralham, perde-se o foco. Tudo parece exigir um esforço muito maior do que antes. As reações deixam de acompanhar o pensamento.

O que é pior, é que a Tristeza e Infelicidade são um combustível poderoso na velocidade dessa deteorização de sua qualidade de vida!

Talvez, dentre o ferramental ao nosso alcance, só o Amor tem o bálsamo que alivia a Vida, e a Paixão possui a magia de nos iludir para ver o mundo maravilhoso e melhor.

Enquanto não são a tônica, a gente sofre... E toma tônicos para remediar.

Mas há muito mais do que "tudo"...

Se a gente elevar os olhos e parar de procurar enxergar apenas os próprios umbigos, a Vida é muito mais do que isto, e nos oferece muito mais do que somos.

Sempre que pensar assim, a gente é capaz de afirmar que, apesar de tudo, está BEM, como as coisas têm que ser, para que a gente entenda assim.

Ou, como disse uma ilustre visitante comentarista, o TUDO BEM (seja "?" ou "!") poderia ser traduzido, no fundo, como se revelasse o seguinte sentimento:


"Espero que esteja TUDO BEM, que tu estejas bem,
assim como eu também busco estar,
mesmo sabendo que nem sempre é assim."


Vivian (do blog inFoco)



E assim a vida continua, para uns e outros.



"Há dias mais nublados que outros,
e mais nublado pra uns do que pra outros."


Mesdre


"Mesmo nos dias nublados,
o Sol ainda brilha por trás das nuvens.
Mesmo nas noites escuras,
zilhões de estrelas iluminam o céu."


Mesdre



Referência:

Este tema já foi tratado de forma mais "inocente" e "lírica" em outro post:
Tudo bem?, http://mesdre.blogspot.com/2009/01/tudo-bem.html.

7 comentários:

Vivian disse...

..."oi,
tudo bem?

espero que sim, que estejas
bem, assim como eu também
busco estar mesmo sabendo
que nem sempre é assim."

penso que a breve resposta
a uma pergunta tão mecânica
e que usamos por mera
formalidade social, vem
tbm ao encontro de que
nem sempre o outro está
querendo de fato saber
se realmente está
tudo bem.

salvo algumas exceções em
que há de verdade um interesse,
um carinho, a solidariedade,
o ouvir para que, se puder,
ajudar, trocar palavras,
mostrar direções possíveis
sabendo que toda ajuda,
antes transforma-se em
combustível para nós mesmos,
e assim percebermos que
somos TODOS UM perante
a vida.

pena que isso não se dê
no cotidiano das pessoas,
e assim seguimos solitários
reféns do silêncio imposto
pelo orgulho de não se
mostrar vulnerável e tantas
vezes carente de um ouvido atento."

acho que falei demais...

tudo bem?

bj, pensador!


gosto deste teu lado profundo.

Jaqueline Köhn disse...

Oi André ...

Hoje dei uma passeadinha mais longa pelo seu blog.Encontrei muitas coisas legais e adorei ver seu filho ao piano, uma graça ( também estudei e me formei pelo Conservatório Brasileiro de Música - RJ.)

Um abração e bom início de semana!

Lih disse...

Suas reflexões são sempre muito oportunas.

A vida parece longa, mas não dura tempo suficiente pra que façamos dela algo feliz na maior parte do tempo. Uma pena!

Vivian disse...

...André querido,
sinto-me lisongeada
em poder estar aqui
de alguma forma somando
pensamentos nesta eterna
seara de aprendizados
sem fim.

obrigada pelo carinho.

tudo bem?

rsrs

Zainer Araujo disse...

Eu raramente pergunto pra qualquer pessoa se "Esta tudo bem". Vai que ela decide responder...

Erika disse...

Eu comentei com a minha irmã outro dia, nunca está TUDO bem. Uma parte está bem enquanto outra nem tão bem assim.
Cheguei a conclusão que não adianta ficar dando muita trela pra parte que não está bem. Ela passa. E se a gente não der confiança, passa mais rápida ainda.

Daniela Carvalho disse...

Tudo bem
Quando termina bem
Os seus olhos
E os seus olhos
Não estão rasos d'água
Mas eu sei que no coração
Ficaram muitas palavras
Um vocabulário inteiro
De ilusão...

É... este post me fez lembrar desta música do Biquíni.

E antes que eu me esqueça
Antes que tudo se acabe
Eu preciso
Eu preciso, dizer a verdade...

E a verdade é que nem sempre está tudo bem... "A bem da verdade" na maioria das vezes a coisa tá sinistra mesmo! rsrs... Mas conseguir ter senso de humor e encontrar a beleza apesar de tudo, faz toda diferença. E o amor... Ah sem AMOR eu nada seria!

Beijo procê!

Related Posts Relacionados with Thumbnails