sexta-feira, 30 de julho de 2010

Salários = sal a rios


Remuneração:
pagamento
por algum esforço.
Retire o salário,
e atire sal ao rio.
Eu remo e remo...
Ação pra lugar nenhum.
Eu temo e torço.
E, no fim, lamento:
o dinheiro foi-se!
Passaram-lhe a foice...
Meu salário
não dá conta
de pagar
minhas contas!
Dê-me dois!
Neste cenário,
melhor virar
salafrário
ou mercenário...
Pois... (Ah, sei lá, eu...)
Sóbrio, só rio:
à mercê de Deus.
Depois eu conto
no que deu...
E ponto.
Merci, adeus.


3 comentários:

Mirian Martin disse...

Que tal como repentista em Fortaleza? :)
Arthur no violão, morrendo de rir, claro. :))
Ia ser um show! E a gente pagava as contas todas!

Erika Freitas disse...

É o famoso "sobra mês no fim do dinheiro".
Ser assalariado é sempre reclamar que ganha muito pouco pelo que faz.
Acho que nunca encontrei alguém que está feliz com o trabalho e com a remuneração...
Taí, vamos procurar?!

tossan® disse...

Ha! E tem os impóstos, não esqueça do pente fino. Você é porreta mesmo! Quem sabe mexer sabe...quem não sabe como eu comenta. Abraço

Related Posts Relacionados with Thumbnails