sábado, 17 de março de 2012

Decisões e de cisões


"Nem sempre as decisões difíceis agradam às pessoas ao redor,
nem tampouco fica explícito para elas as próprias razões.
Para isto, vi que Adão Braga usa a interessante frase:

'você não conhece o meu lado ruim',
talvez como defesa e escudo
ou argumentação que evita questionamentos.

Decisões são sempre corajosas!
Até mesmo as decisões tímidas ou levadas a serem tomadas.

Não é fácil tomar decisões, mesmo para gestores profissionais.
Sempre pinta a dúvida.

Muitas vezes o critério para as decisões
são o chamado "risco calculado",
ou a prática com base em experiência anterior.

Ouvir a voz interior e a intuição é sempre (um) bom (guia), afinal.
O problema é quando essa vozinha intuitiva diz
para não decidir nada nem agir por enquanto...

Entra em jogo também outros fatores,
como questões sociais,
atitudes "politicamente corretas",
educação de berço e adquirida,
que pesam na hora do agir ou não.

Por exemplo, uma coisa que aprendi
sobre essa satisfação de conseguir ajudar
e apontar caminhos que a gente pensa ser certo,
é que tem gente que não gosta disto pro seu lado
e acha essa atitude (por mais altruísta
ou inocente que seja) muito prepotente...

Principalmente as mulheres, que não querem
que lhes digam o que devem fazer ou ser
mesmo que elas perguntem! rs
(conforme a reza a lenda "A escolha do Rei Arthur")

Entendo que decisões que causam
ruptura, separação, demissão,
e mudanças profundas em geral,
são possivelmente as mais difíceis,
pela incerteza de um futuro melhor.

Dizer adeus, quando se reluta, é muito sofrível,
sobretudo quando se alimenta, apenas do seu lado,
essa esperança dos acertos de rumos... juntos.

Por mais que achemos que temos
o controle do porvir em nossas mãos,
isto não passa de uma doce bárbara ilusão!"


Mesdre


(A Arte Medieval, contato: 12-8881-5831 e no Orkut tem mais trabalhos aartemedieval@gmail.com)


9 comentários:

mfc disse...

O processo de decisão (consciente) é sempre complicado!
É que a decisão consiste em afastar tudo o resto...

Palavras disse...

Olá,

gostei das suas palavras!

A indecisão é dolorosa porque o peso de nossas decisões, só conhece quem decidiu!

Muito bom!

Abraços

Leila

Iara disse...

eu li, reli, li de novo e nao entendi bulufas.
So a parte que mulher odeia ser 'mandada'mesmo que no fundo a gente quer um 'conselho'.

FA disse...

Olá!!!
Sugeriram... Entrei... Gostei... e a "Decisão" foi ficar...e também deixar
um pouco de po-magico.blogspot.com
Apareça :)

Fátima disse...

Oi André,

Amei teu texto. perfeita reflexão.

Como há momento para tudo..um tempo atras tomar decisões (dessas pessoais que nos angustiam) me incomodava muito, mas no momento está sendo um grande prazer fazer isso. É a hora certa. Pra futuramente mudar tudo de novo..rs

Beijo meu

Elisa T. Campos disse...

André

Lindo texto.
A tomada de decisões sempre angustia
quando não temos a certeza de qual rumo tomar.
Mas,
Aqui não há cisão
Cheguei a simples decisão
Decidi ficar aqui.(rsrsrs)

Um lindo final de semana
bjs

Adao Braga disse...

Lisonjeado!

Claudiana (25/11/2010) disse...

Boa tarde, tudo bem?
Entrei para conhecer seu cantinho. Gostei muito de tudo que vi. Parabéns o blog está lindo. Depois passa lá no meu cantinho também, será um prazer, ótima semana pra vc, bjs
Claudiana
http://encantosempontocruz-barbie.blogspot.com

Carla Fernanda disse...

Taí o que a gente carrega para a vida toda e sem nem perceber, acaba balizando nosso comportamento e nossas ações por ela: "educação de berço"... achei. Fato é, que em algumas situações, pode mais atrapalhar que ajudar...


Bjos

Related Posts Relacionados with Thumbnails